Compreendendo a linguagem dos bebês

Compartilhar

  • 0
  • 3691

As crianças, desde pequenas, se comunicam por gestos e atitudes. Entender essa linguagem favorece não só o vínculo entre pais e filhos como também fortalece o bem-estar do bebê. Bebês fazem caretas, contorcem-se, balbuciam e chutam. Tudo isso são maneiras de comunicar sensações, sentimentos ou, até mesmo, de dizer que algo não está bem. O artigo a seguir fala sobre algumas dessas manifestações.

Puxar as próprias orelhas, por exemplo, pode ser sinal de incômodo, principalmente se acontecer junto ao nascimento dos primeiros dentes. Chutes ao vento podem significar tanto felicidade (quando ele faz isso sorrindo) quanto incômodo extremo (quando vem acompanhado de choro). Outro gesto comum é jogar-se para trás enquanto é alimentado – pode ser sinal de refluxo, de acordo com o texto.

Compartilhar

Deixe seu comentário

O Radar nas redes sociais

Iniciativa

Apoio

Iniciativa

Apoio